23 de abr de 2015

Restaurante Bargaço [gr]

| por Gustavo Romero |

O Restaurante Bargaço foi fundado em 1971 e, com o passar dos anos, se tornou um dos restaurantes mais conhecidos e tradicionais da cidade. Foi para conferir tais credenciais que estivemos no local, numa tarde de sábado.


Localização e estacionamento

O Bargaço está situado entre o Jd. Armação e a Boca do Rio, próximo ao Centro de Convenções. Não é difícil de chegar, embora seja um local um pouco escondido. O restaurante oferece um amplo estacionamento, o que facilita muito a vida dos clientes.

Ambiente e atendimento

Embora conte com uma área interna, logo que chegamos nos acomodamos em uma das mesas que fica na enorme varanda, ao lado de uma grande área verde. O local é muito bonito e bem cuidado. Em linhas gerais, trata-se de um local muito agradável.

O ambiente do Restaurante Bargaço
O varandão do Restaurante Bargaço
A área externa do Restaurante Bargaço
Para as crianças, o restaurante oferece um amplo parque infantil.

O Parque Infantil do Restaurante Bargaço
O atendimento é um dos pontos altos do Bargaço. Indo - felizmente - na contramão do que tradicionalmente encontramos nos estabelecimentos da cidade, o restaurante apresentou atendimento impecável. É bem verdade que, quando chegamos, existiam poucos clientes, mas, ainda assim, a atenção, simpatia e velocidade dos garçons impressionou. Um dos melhores atendimentos que já presenciamos na cidade. Parabéns à casa.

Comida

O ponto forte do Bargaço são os Pratos de Frutos do Mar. Assim, o cardápio é todo pautado por opções relacionadas a estes itens. Desde as Entradas (Casquinha de Siri, Ostras, Polvo a Vinagrete etc.) até as opções de Moquecas e Ensopados, passando pelos Pratos da Casa (Bobó de Camarão, Lagosta ao Thermidor etc.) e Do Chef (Camarão na Moranga, Espaguete de Frutos do Mar etc.), sem se esquecer das Saladas.

Depois de avaliar as opções, acabamos nos convencendo a pedir a Moqueca de Camarão com Polvo. Em pouco tempo, recebemos o tacho fumegante, junto dos acompanhamentos: Arroz, Pirão e Farofa

A Moqueca de Camarão com Polvo do Restaurante Bargaço
A Moqueca de Camarão com Polvo do Restaurante Bargaço
Os Acompanhamentos (Arroz, Pirão e Farofa) da Moqueca do Restaurante Bargaço
A Moqueca do Bargaço é um Prato bem servido, que pode atender até 3 pessoas com apetite moderado, mas nós não tivemos grandes dificuldades em terminá-la. Estava muito saborosa e leve, sem o gosto forte do Azeite de Dendê (talvez pela orientação turística do restaurante), mas isso, para nós, não foi um problema (até preferimos assim). O ponto fraco foi a textura do Polvo, que deixou um pouco a desejar. Alguns pedaços estavam macios, mas, outros, estavam mais duros, denunciando que faltou um pouco de cuidado na preparação. Até mesmo os Camarões, em boa quantidade, não encantaram neste quesito. 

Os acompanhamentos estavam satisfatórios, sem grandes destaques.

Preço

Uma análise dos preços ratifica a noção de que a orientação do restaurante é turística. Ou seja, os preços assustam um pouco. Nós sabíamos que a Moqueca era bem servida, então não justificaria pedir uma Entrada, mas, se o fizéssemos, gastaríamos, em média, uns R$ 40,00. A Moqueca de Camarão com Polvo custou R$ 126,00 e, como bebemos apenas um refrigerante (comportamento que não corresponde ao padrão dos clientes da casa), que custou R$ 5,90, desembolsamos R$ 145,09. Caro, muito caro para os nossos padrões e para o que mastigamos.

Conclusão

Na nossa experiência, o Bargaço encantou pelo ambiente e atendimento, assustou pelo preço e trouxe uma culinária apenas boa. Ou seja, não vamos dizer que foi um almoço ruim, mas não foi memorável. Para nós, trata-se de um restaurante para fazer uma visita, conhecer, e procurar explorar outras opções mais interessantes e/ou baratas na cidade.

Serviço

Restaurante Bargaço
R. Antônio da Silva Coelho, Qd. 43, Lt. 18/19 (ver mapa)
Jd. Armação
(71) 3231-1000

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários no Mastigando em Salvador são muito bem vindos, mas deverão passar por um processo de moderação prévia. Para conhecer os critérios da moderação, consulte a nossa política de comentários, acessando: http://www.mastigandoemsalvador.com.br/p/politica-para-comentarios.html.

Resumidamente, os comentários que poderão ser rejeitados são aqueles que:

- Estejam fora do contexto do objeto da postagem e/ou do blog;
- Utilizem linguagem ofensiva e/ou incompreensível;
- Contenham injúrias, calúnias ou difamações, a respeito de quem quer que seja;
- Demonstrem claramente a intenção, por parte do autor do comentário, de tumultuar e/ou de desarmonizar o clima do blog;
- Contenham propaganda (spam); ou
- Contenham links externos, salvo quando forem fortemente relacionados ao objeto da postagem.

Os comentários publicados NÃO representem a opinião do blog Mastigando em Salvador e da sua equipe, e todo o seu conteúdo é de responsabilidade exclusiva dos seus respectivos autores. Nós não nos responsabilizamos por eles.

Caso tenha alguma dificuldade em fazer um comentário, verifique se está utilizando o navegador MS Internet Explorer. Alguns leitores tem reportado problemas para comentar utilizando este navegador. Esta situação está fora do nosso controle e não pode ser corrigida por nós.

Tecnologia do Blogger.