26 de mai de 2015

Carro de Boi - SSA RW 2015

Assim como aconteceu nas duas edições da Salvador Restaurant Week 2014, este ano nós recebemos um delicioso convite do restaurante Carro de Boi (confira as resenhas aqui) para mastigar as iguarias preparadas para o evento!

Carro de Boi

Entradas

Caldo Fogosinho (Caldo de Culhão de Boi): Este foi o item do menu que mais causou curiosidade! O Caldo chega à mesa em uma caneca rústica, em quantidade suficiente para aguçar o apetite e agradou em termos de sabor!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Caldo Fogosinho
O Caldo Fogosinho do restaurante Carro de Boi
Supremo (Bolinho) de Aipim com Carne Seca: Nós, que já conhecemos os Bolinhos da casa, estávamos de braços abertos para receber esta versão com Aipim e Carne Seca. E a expectativa criada foi atendida: a dupla estava muito saborosa!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Supremo de Aipim com Carne Seca
Os Bolinhos de Aipim com Carne Seca do restaurante Carro de Boi

Pratos Principais

Maniçoba (acompanha Arroz e Farinha): Não temos muitos parâmetros para falar sobre Maniçoba; confessamos que esta foi apenas a segunda vez que mastigamos este Prato. A análise da foto deixa bem claro que a porção é muito bem servida e apresentada! A presença de Carnes e Linguiças de boa qualidade e o tempero da Folha de Louro também fizeram toda a diferença!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Maniçoba
A Maniçoba do restaurante Carro de Boi
Cupim com Cebola Assada ao Molho de Alho e Purê de Banana da Terra: Mantendo o alto nível de sabor e qualidade dos Pratos anteriores, este Cupim se mostra um concorrente à altura da Maniçoba. A Carne estava muito saborosa e macia, e combinou perfeitamente com o Purê de Banana da Terra, ofuscando um pouco o sabor leve da Cebola. Gostamos muito!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Cupim com Purê de Banana da Terra
O Cupim com Purê de Banana da Terra do restaurante Carro de Boi

Sobremesas

Cocada Preta com Rapadura: O que se pode falar de uma Cocada? Que é deliciosa e tem gosto de infância, todo mundo já sabe! Se ela for preparada com Rapadura, então, chega bem próximo ao nível de perfeição, sem ficar enjoativa!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Cocada Preta
A Cocada Preta do restaurante Carro de Boi
Ambrosia: Uma sobremesa tradicional da casa, apresentou sabor suave e textura agradável. Deliciosa!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Ambrosia
A Ambrosia do restaurante Carro de Boi
Nós ainda provamos um Suco muito interessante: o Suco de Coco Seco! Ele já vem sendo amplamente aprovado pelos clientes da casa, e não é para menos: é docinho, leve e traz pedacinhos do Coco! Ótima opção!

Carro de Boi na Salvador Restaurant Week 2015: Suco de Coco Seco
O Suco de Coco Seco do restaurante Carro de Boi
Mas os clientes que optarem por bebidas alcoólicas contam com amplo leque de opções de Cervejas especiais, que podem ser harmonizadas com os diferentes Pratos da casa.

O nosso balanço final do almoço preparado pelo Carro de Boi para a SSA RW 2015 foi o seguinte: seguindo a sua tradição, a casa resolveu oferecer a tal "Comida Retada", com suas porções fartas, fortes influências regionais e sabor evidente. Os apreciadores do estilo certamente sairão satisfeitos!

Os Mastigadores estiveram no restaurante Carro de Boi a convite para elaboração deste post.

Carro de Boi
Rua Dom Eugênio Sales, 23 (ver mapa)
Boca do Rio
(71) 3461-3110
http://www.facebook.com/carrodeboirestaurante

24 de mai de 2015

Solar do Bacalhau - SSA RW 2015

A nossa segunda aventura gastronômica na SSA Restaurant Week 2015 foi no Solar do Bacalhau! Nós já fizemos uma visita ao local anteriormente, e foi muito bom mastigar novamente lá!

Solar do Bacalhau

Confira agora o menu oferecido para o festival:

Entradas

Bolinhos de Bacalhau: Uma Entrada clássica para este tipo de restaurante, os Bolinhos de Bacalhau que mastigamos estavam muito saborosos e sequinhos. Mereciam um maior capricho na apresentação, mas isso se tornou secundário quando comparado com o sabor!

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Bolinhos de Bacalhau
Os Bolinhos de Bacalhau do Solar do Bacalhau
Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Bolinho de Bacalhau
Um Bolinho de Bacalhau do Solar do Bacalhau
Caldo Verde: Caldo muito saboroso, perfeitamente tradicional e servido na temperatura ideal! E ainda vem muito bem acompanhando de uma cestinha com Pães fatiados! 

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Caldo Verde
O Caldo Verde do Solar do Bacalhau

Pratos Principais

Bacalhau a Lagareiro (Lombo de Bacalhau na Brasa com Batatas a Murro, Pimentões, Azeitonas e Arroz): Uma porção fartamente servida de um delicioso Lombo de Bacalhau, regado a muito Azeite! Os acompanhamentos (Batatas, Pimentões, Azeitonas) estavam igualmente saborosos, assim como o Arroz. Destacamos também o delicioso Molho de Cebolas, que realçou ainda mais o sabor do Prato. Se você gosta de um bom Bacalhau, essa é uma ótima escolha!

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Bacalhau a Lagareiro
O Bacalhau a Lagareiro do Solar do Bacalhau
Bacalhau do Porto na Chapa (Lombo de Bacalhau grelhado com Batatas Cozidas, Brócolis, Ovo, Azeitonas e Arroz): Aqui a abundância da porção também é perceptível e o cliente fica em dúvida se o mais gostoso é o Bacalhau ou as Batatas! É claro que a presença das Azeitonas, Brócolis e Cebola faz toda a diferença também, mas as estrelas se destacam nitidamente e fazem par perfeito com o Arroz, o Molho de Cebola e o equilibrado Molho de Pimenta.

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Bacalhau do Porto na Chapa
O Bacalhau do Porto na Chapa do Solar do Bacalhau
 
Sobremesas

Pudim de Leite: Nada mais do que o tradicional Pudim de Leite, sem os tais "furinhos" (que é a nossa preferência). Os apreciadores de sabores mais doces provavelmente prefeririam que o sabor do Leite Condensado fosse mais evidente, mas quem prefere um sabor mais suave não terá restrições a esta Sobremesa.

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Pudim de Leite
O Pudim de Leite do Solar do Bacalhau
Pastel de Belém: Não temos nenhuma referência sobre o tradicional Doce português e mastigamos sabendo, pela própria casa, que este apenas se inspira no original. Entendemos que pode não agradar aqueles que são fãs de algo bem doce, já que aqui o sabor do recheio é bem tímido neste sentido, mas é algo singular e bastante saboroso!

Solar do Bacalhau na Salvador Restaurant Week 2015: Pastel de Belém
O Pastel de Belém do Solar do Bacalhau
O nosso balanço final do jantar preparado pelo Solar do Bacalhau para a SSA RW 2015 foi o seguinte: A casa procurou trazer para o evento uma culinária tradicional, sem muito glamour ou gourmetização. No contexto do restaurante, isso não é nenhum demérito, já que a sua cozinha não pretende servir aos clientes nada além das tradicionais formas de preparar um bom Bacalhau. Todos os itens servidos estão no cardápio tradicional da casa. Ressaltamos, também, o grande tamanho das porções dos Pratos Principais, fato que vai atrair aqueles que se preocupam com Pratos pequenos servidos por alguns restaurantes participantes do evento. Recomendamos!

Os Mastigadores estiveram no Solar do Bacalhau a convite da organização da Restaurant Week para a elaboração deste post.

Solar do Bacalhau
Av. Otávio Mangabeira, 3471 (ver mapa)
Flat Jardim de Alah, Jardim de Alah
(71) 3341-7122

22 de mai de 2015

33 Restaurante - SSA RW 2015

Nossa primeira parada na Salvador Restaurant Week 2015 foi o 33 Restaurante! Confira a nossa opinião sobre os Pratos elaborados para o evento!

33 Restaurante

Entradas

Polpeta Gratinada (Bolinho de Carne ao Pomodoro e Gratinado com Mozzarela): Uma Entrada muito saborosa e bem apresentada! A Polpeta estava com excelente sabor e apresentou um ponto interessante: por fora, mais bem passada e, por dentro, mais mal passada. O Molho de Tomate estava delicioso! Por se tratar de uma Entrada, a quantidade tende a ser pequena, mas estava dentro do esperado.

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Polpeta Gratinada
A Polpeta Gratinada do 33 Restaurante
Insalata Calamari (Salada de Folhas frescas, Lula e Tomates temperados com Molho Cítrico): Uma Salada sendo apenas uma Salada. Nenhum componente da mesma chamou a atenção e o Molho Cítrico roubou qualquer possibilidade de a Lula participar em sabor. A quantidade servida é boa e atende bem ao que se propõe, sendo uma opção mais saudável no cardápio e perfeita escolha para quem não quer exagerar no jantar!

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Insalata Calamari
A Insalata Calamari do 33 Restaurante

Pratos Principais

Badejo com Vegetais (Peixe Grelhado, acompanhado de Vegetais na Manteiga): O Peixe estava muito saboroso e com excelente textura, apesar de ter sido servido ligeiramente "desmontado". Poderia haver maior diversidade nos Vegetais: só encontramos Batata, Cenoura e Abobrinha. O conjunto estava saboroso, mas imaginamos que o festival merecia algo um pouco mais elaborado, mais "gourmet".

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Badejo com Vegetais
O Badejo com Vegetais do 33 Restaurante
Medalhão de Filé Gratinado (Carne Grelhada e Gratinada com Molho Gorgonzola, acompanhada de Spaghetti ao Pomodoro): Visualmente a jogada de cores aguça a curiosidade e, no paladar, estas cores se encontram em sabores completamente diferentes e contrastantes entre si. Separados, a Carne encanta mais que o Espaguete, mas este tem o seu valor. Em termos de quantidade na porção, atende bem e garante leveza se combinado com a Salada como Entrada.

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Medalhão com Filé
O Medalhão com Filé do 33 Restaurante

Sobremesas

Semifredo em Calda: Estava maravilhoso! Leve, saboroso e sem doce excessivo. A sensação é a de que agradará desde quem não é grande fã de Doces até as "formiguinhas" de plantão!

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Semifredo em Calda
O Semifredo em Calda do 33 Restaurante
Cheesecake de Chocolate: Apesar do nome, em nada lembra uma Cheesecake, seja em sabor ou em textura. Mas isso não é um defeito, pois o que chega à mesa consegue transmitir personalidade ao paladar. Não é muito doce, apesar do Chocolate na composição, e agradou bastante!

33 Restaurante na Salvador Restaurant Week 2015: Cheesecake de Chocolate
A Cheesecake de Chocolate do 33 Restaurante
O nosso balanço final do jantar preparado pelo 33 Restaurante para a SSA RW 2015 foi o seguinte: Os Pratos foram bem executados e apresentaram sabor e apresentação muito bons. No entanto, no nosso entendimento, com exceção das Sobremesas, o menu merecia um conceito um pouco mais elaborado.

Os Mastigadores estiveram no 33 Restaurante a convite da organização da Restaurant Week para a elaboração deste post.

33 Restaurante
Salvador Shopping - Ala Gourmet
(71) 3019-5289

14 de mai de 2015

Chicago Stuffed Pizza [gr]

| por Gustavo Romero |

Embora seja novidade na cidade, muita gente já foi conferir a Chicago Stuffed Pizza. Vimos por aí elogios e críticas, fato que, aliado ao conceito incomum do Prato, nos motivou a ir conhecer o local, para poder contar tudo para vocês!

Chicago Stuffed Pizza

O estabelecimento funciona no Shopping Paseo, que também abriga opções gastronômicas como Barretto's Empório e SOHO, por exemplo.

Chicago Stuffed Pizza: Fachada
A fachada da Chicago Stuffed Pizza
O ambiente da Chicago Stuffed Pizza merece muitos comentários. O local é pequeno e oferece conforto dentro do esperado. O grande destaque é, sem dúvida, a decoração rocker, que desperta a atenção mesmo de quem não é grande fã do estilo musical, ao apresentar inúmeras fotografias de bandas e cantores nas paredes e teto, além de quadros e até papel de parede temáticos. A trilha sonora está de acordo com a decoração. Em uma pesquisa rápida, não consegui encontrar relação entre Pizza e rock, mas, na condição de apreciador tanto da iguaria quanto do gênero musical, aprovei! :)

Chicago Stuffed Pizza: Ambiente
O ambiente da Chicago Stuffed Pizza
Chicago Stuffed Pizza: Ambiente
O ambiente da Chicago Stuffed Pizza
Chicago Stuffed Pizza: Ambiente
O teto da Chicago Stuffed Pizza
Estivemos no local no último sábado, durante o horário do almoço, e a casa estava vazia. No entanto, recebemos relatos de que, à noite, este quadro muda radicalmente de figura. No contexto da nossa visita, achamos o atendimento apenas razoável. A atendente quis direcionar o nosso pedido para um item que já estava pronto e, após a nossa recusa, salientou que o nosso pedido levaria entre 20 a 30 minutos para ser servido, meio que em tom de reprovação. De fato, o tempo foi dilatado, mas, apesar de estarmos com bastante fome, ficamos nos divertindo em descobrir quem era quem nas fotos do teto do local...

O cardápio da casa é enxuto. Lista algumas Entradas, 4 opções de Lanches (um dos nossos pedidos seria um Lanche, mas ficamos com medo de ser pequeno) e as Pizzas, preparadas ao Chicago's Style, que são servidas em dois tamanhos: Individual (e não para duas pessoas, como lemos em alguns comentários) e Grande, que, considerando seus 1.100 gr de Recheio, deve servir bem 3 pessoas. Estão disponíveis apenas 5 sabores: Pepperoni, Presunto, Calabresa, Rúcula com Tomate Seco e Lombo Canadense.

Assim, pedimos duas Pizzas individuais, uma no sabor Pepperoni e outra no sabor Calabresa.

Assim que as Pizzas chegaram, pudemos notar que a divulgação feita pela casa é, de fato, verdadeira. Elas são, na verdade, uma espécie de "Quiche gigante", com uma imensidão de Recheio acima da Massa. Sem exagero, diâmetro do disco deve ter uns 15 cm e o Recheio deve ter algo em torno de 5 cm de altura. Ok, pode pegar a régua, eu aguardo. Pronto! Agora você já deve ter a noção do tamanho criança!

Mas, de nada adianta a quantidade se a qualidade não for boa. E, para nós, este quesito também recebeu conceito adequado. A Massa é relativamente fina e conta com sabor discreto. Já o Recheio, esse sim é cheio de personalidade. Logo acima da Massa, encontramos os pedaços de Pepperoni ou de Calabresa, e, acima dessa camada, existe a mistura de Queijo, Molho e, novamente, Pepperoni ou Calabresa. Por cima, Azeitonas Pretas. A marca diz que a receita do Molho é secreta, e o que podemos dizer dele é que traz um sabor forte e condimentado, quase picante. Se você prefere sabores suaves, provavelmente não vai apreciar, mas, se gosta de sabores mais fortes (nós gostamos), é uma ótima pedida.

Chicago Stuffed Pizza: Stuffed Pizza individual no sabor Pepperoni
A Stuffed Pizza individual no sabor Pepperoni da Chicago Stuffed Pizza
Chicago Stuffed Pizza: Stuffed Pizza individual no sabor Calabresa
A Stuffed Pizza individual no sabor Calabresa da Chicago Stuffed Pizza
Chicago Stuffed Pizza: Stuffed Pizza individual no sabor Pepperoni
A Stuffed Pizza individual no sabor Pepperoni da Chicago Stuffed Pizza
Quando passamos da metade da Pizza, percebemos o motivo de algumas pessoas acreditarem que ela serve duas pessoas: já estávamos quase satisfeitos! Nesta ótica,  a sensação que tivemos é que a quantidade adequada é de 2 Pizzas para 3 pessoas. Como estávamos em dois e não gostamos de desperdiçar comida, fomos até o fim. O resultado é que nem chegamos a jantar, fizemos apenas um lanchinho bem leve à noite!

O preço cobrado pela Chicago Stuffed Pizza chega a assustar, a primeira vista, quem faz uma simples associação com Pizzas individuais tradicionais. No entanto, trata-se de uma refeição diferenciada e incrivelmente mais robusta, o que torna a relação custo X benefício bastante razoável. São R$ 31,80 pela Pizza Individual e R$ 64,68 pela grande

Finda a nossa aventura gastronômica, já podemos opinar: a Pizza, embora não seja, realmente, uma Pizza, é, sim, saborosa e conta com um Recheio bastante generoso. Nós ficamos satisfeitos e recomendamos, àqueles que apreciam o estilo de culinária oferecido pela casa. E, se você gosta de rock, tem mais um motivo para ir conhecer o local!

Chicago Stuffed Pizza
Shopping Paseo 

7 de mai de 2015

La Lupa Restaurante [gr]

| por Gustavo Romero |

Embora tenha sido inaugurado em 2001, só tivemos a oportunidade de conhecer o La Lupa Restaurante, que está em seu terceiro endereço, agora.

La Lupa Restaurante

O restaurante, que já funcionou no Pelourinho e na Ladeira da Barra, desde 2013 está instalado na "praça de alimentação chique" do Salvador Shopping, próximo a restaurantes como Carro de Boi e Terra Brasil (ambos super recomendados!). Como esclarecido anteriormente, não chegamos a conhecer as instalações nos outros dois endereços, mas temos a sincera impressão de que, com a ultima mudança, o restaurante perdeu pontos neste quesito. Tivemos a sensação de desconforto, muito em função da superlotação do local, mas, também, em função da grande quantidade de mesas dispostas em pouco espaço. O resultado é um ambiente que oferece pouca privacidade e muita agitação (no mal sentido). De fora, com a casa cheia, nota-se uma certa poluição visual: muitos clientes, muitas mesas, muitos elementos decorativos nas paredes, tudo contrastando com o espaço reduzido.

La Lupa Restaurante: Ambiente
O ambiente do La Lupa Restaurante
La Lupa Restaurante: Ambiente
O ambiente do La Lupa Restaurante
No sentido contrário a este certo desconforto temos o atendimento: desde a recepção, feita pela hostess, passando pelo atendimento do garçom e encerrando com o pagamento, tudo correu muito bem. Todos foram bastante educados, atenciosos e ágeis, mesmo com a casa lotada. E isso merece nossos mais enfáticos aplausos.

O cardápio lista opções de Entradas, Saladas, Massas (Artesanais e Secas), Risotos, Pratos a base de Carne, Frango e Frutos do Mar e Pizzas, além de um rodízio de Massas e Pizzas, que funciona no período da noite. Nós resolvemos escolher um representante das Massas Artesanais e um dos Pratos a base de Frutos do Mar.

O Ravioli di Ricotta e Spinaci Arancia e Menta (Massa Artesanal, recheada com Ricota e Espinafre, com Molho de Manteiga, Laranja e Menta), foi a primeira das nossas escolhas e foi selecionado a partir da descrição do Molho. A porção, a primeira vista julgada como pequena, se mostrou adequada até o final da refeição. O sabor agradou, mas não surpreendeu. Talvez porque esperássemos um pouco mais de presença cítrica no sabor final, mas fato é que o Molho se mostrou bem suave neste sentido. O que realmente deixou a desejar foi a presença excessiva do caldo no fundo do prato. Foi difícil mastigar sem sujeira, já que o mesmo era pouco consistente (totalmente líquido). Não seria um prato que repetiríamos.

La Lupa Restaurante: Ravioli de Ricota com Espinafre
O Ravioli di Ricotta e Spinaci Arancia e Menta do La Lupa Restaurante
Por sua vez, o Salmone Grigliato com Crema di Spinaci (Filé de Salmão Grelhado com Creme de Espinafre Gratinado, acompanhado de Purê de Batata Tartufado) é um Prato muito bem apresentado e, também, aparentemente servido em pequena quantidade. Esta sensação, no entanto, demonstrou ser falsa, assim como aconteceu com o Ravioli. O Prato trouxe uma feliz combinação entre o Salmão, grelhado ao ponto, com um realmente delicioso Creme de Espinafre, que deu um toque todo especial ao Prato. O Purê de Batata Tartufado (ou Trufado, como preferirem) estava saboroso, mas chamou a atenção para dois pontos: não identificamos sabor muito diferente de um Purê "não-tartufado" e notamos que a consistência estava ligeiramente granulada. Em linhas gerais, agradou.

La Lupa Restaurante: Salmão ao Molho de Espinafre
O Salmone Grigliato com Crema di Spinaci do La Lupa Restaurante
Encerrando a refeição, foi a vez da Sobremesa: um Salame di Cioccolato (Doce italiano com Biscoito de Chocolate e um toque de Café, servido com Creme Inglês de Basílico). Esta é uma Sobremesa muito bonita e é servida (desta vez sem falsa sensação) em pequena quantidade. Estava saborosa, sem excesso de doce, e cumpriu perfeitamente com a sua função.

La Lupa Restaurante: Salame de Chocolate
O Salame di Cioccolato do La Lupa Restaurante
Os preços cobrados pelo La Lupa estão um pouco acima daquilo o que consideramos adequado. O Ravioli custou R$ 48,00, o Salmão saiu por R$ 52,50 e o Salame de Chocolate, por R$ 17,50. Sem qualquer bebida e com a taxa de serviço, desembolsamos R$ 129,80, um valor que acreditamos ser incompatível com a experiência como um todo.

Em resumo, a nossa impressão a respeito do La Lupa foi positiva, mas, de fato, não é um restaurante que visitaríamos com muita frequência, pois, apesar dos pratos saborosos, não identificamos nada que fosse realmente imperdível e, aliado a isso, o ambiente pouco confortável e os preços altos nos desmotivam a repetir a dose.

La Lupa Restaurante
Salvador Shopping - 3º Piso
(71) 3013-2508

30 de abr de 2015

Los Paleteros [gr]

| por Gustavo Romero |

Desconfiados. Foi assim que ficamos quando recebemos o contato da Los Paleteros para conhecermos as suas Paletas Mexicanas. Não era para menos: apesar de um bom número de leitores terem aprovado os produtos de outra marca (através da qual fomos apresentados ao conceito), nós (e outro bom número de leitores) não gostamos. Nem um pouco. Nada, nada. Mas fomos assim mesmo. E que bom que fomos!

Los Paleteros

A primeira loja da Los Paleteros em Salvador (segundo o responsável pela franquia, várias outras estão prestes a serem inauguradas ou em fase de planejamento) foi montada na Barra, a poucas quadras do Farol. Uma das áreas mais nobres da cidade, especialmente após as modificações feitas pela prefeitura. O acesso é fácil e convidativo para as inúmeras pessoas que aproveitam aquela região para seu lazer.

Los Paleteros: Fachada
Fachada da Los Paleteros
A dificuldade, como todos sabem, é a de estacionar. Encontrar uma vaga na região é uma aventura, mesmo com a existência de vários pontos de Zona Azul. Nós acabamos entrando num estacionamento que fica por perto, mas que já estava quase que lotado naquela tarde de sábado.

Quando chegamos ao local, tivemos a primeira surpresa. Ok, nós sabíamos que a marca não é uma "sorveteria" (na falta de termo mais adequado) de fundo de quintal (pelo contrário, é a marca pioneira - desenvolveu o conceito de Paletas no país - e está presente em diversos estados), mas a loja impressiona até os clientes mais exigentes, mesmo antes de entrar! É bastante ampla, com excelente iluminação, climatização, limpeza e organização. O ambiente é muito colorido e alegre, agradando não apenas as crianças, mas aos clientes de qualquer faixa etária.

Los Paleteros: Ambiente
O ambiente da Los Paleteros
Além do ambiente principal, existe uma espécie de lounge, uma área diferenciada que oferece pufes e bancos acolchoados, um enorme quadro negro, para as crianças rabiscarem e um jardim vertical, com plantas vivas. Um local muito bonito e agradável.

Los Paleteros: Ambiente
O ambiente da Los Paleteros
O atendimento deu sinais de ser muito bom. Embora tenhamos ido até lá a convite, antes de nos identificarmos e localizarmos a pessoa que nos receberia fomos recepcionados por um funcionário que nos cumprimentou e se colocou à disposição para nos atender, de forma educada e ágil.

Mas vamos ao que interessa: as Paletas! Antes de começar, no entanto, vai o nosso conselho: esqueça tudo o que você sabe sobre Paletas Mexicanas. Esqueça até o que você sabe sobre seus primos mais velhos, os Picolés. Você está prestes a elevar os níveis de exigência a respeito deste tipo de produto. Simples assim.

As primeiras que provamos foram os lançamentos da rede: Fruit-tella Grego e Crunchy Cream. A primeira é uma Paleta produzida em parceria com o fabricante da famosa Bala Fruit-tella Grego. Uma mistura extremamente feliz: é como se estivéssemos mastigando a Bala, gelada e cremosa! É realmente difícil de descrever, mas, se você curte o sabor da Fruit-tella, não pode deixar de provar. 

Já a segunda Paleta é um produto lançado em parceria com o festival Rock In Rio, e combina uma base de Nata com Baunilha com pedaços de Biscoito de Chocolate. Crocante. Sim, o biscoito fica inacreditavelmente crocante. Sem dúvidas, uma paleta que merece tantos aplausos quanto as atrações do festival de música.

Los Paleteros: Paletas Crunchy Cream e Fruit-tella Grego
As Paletas Crunchy Cream e Fruit-tela Grego da Los Paleteros
Mas a nossa visita não parou por aí! Nós ainda provamos mais duas Paletas: a de Torta de Limão (e, acreditem, o crocante da "torta" está presente nesta Paleta, assim como o cítrico do Limão e o adocicado do Creme) e a Paleta Jamaica, feita com a inesperada (e deliciosa, como viemos a descobrir) combinação do Hibisco com a Framboesa, resultando num sabor refrescante e suave.

Los Paleteros: Paletas Crunchy Cream, Fruit-tella Grego, Hibiscos com Framboesa e Torta de Limão
As Paletas Fruit-Tella Grego, Crunchy Cream, Hibiscos com Framboesa e Torta de Limão da Los Paleteros
Àquela altura, nós já tínhamos virado fãs da marca. Mas nós ainda tivemos mais 8 bons motivos para nos tornarmos fãs de carteirinha: as 8 paletas que recebemos de presente num isopor, para levar para casa.

Los Paleteros: Paletas
As Paletas das Los Paleteros (2 foram mastigadas antes da foto...)
Alguns sabores foram escolhas nossas, outros, foram sugestões da marca. Assim, nós nos deliciamos com as Paletas de Ameixa Preta, Trufa de Chocolate, Morango, Chocolate Belga, Romeu e Julieta, Morango com Leite Condensado, Doce de Leite e, ufa!, Manga com Pimenta!

A Paleta de Ameixa Preta surpreende pela extrema cremosidade e quantidade absurda de Ameixa, cujo sabor agradou até quem não é fã da fruta. A de Trufa de Chocolate, bem... Vejam bem, é uma Paleta de Trufa de Chocolate! Não é preciso dizer mais nada. 

O medo ficou por conta do sabor Morango, em virtude da experiência anterior, com outra marca, mas, felizmente, aqui não encontramos aquela mistura de Morango azedo com água, resultando num produto aguado e sem graça, mas, sim, um "sabor cheio de sabor" e personalidade. O Chocolate Belga é ideal para quem curte o sabor do Chocolate Amargo. Não é tão cremoso, mas, mantendo o padrão, é extremamente saboroso.

Los Paleteros: Paletas de Ameixa Preta, Trufa de Chocolate, Morango e Chocolate Belga
As Paletas de Ameixa Preta, Trufa de Chocolate, Morango e Chocolate Belga da Los Paleteros
A Paleta no sabor Romeu e Julieta também estava maravilhosa e, se a Paleta de Morango agradou, esta de Morango com Leite Condensado arrancou suspiros! Simplesmente maravilhosa! Por sua vez, a de Manga com Pimenta, embora seja uma mistura pouco usual, também estava ótima, não apenas pelo sabor da Manga como pelo leve ardor da Pimenta Rosa. Para encerrar, mais um sabor espetacular: a Paleta de Doce de Leite com recheio de Doce de Leite, argentino. Aqui, também vale o conceito: é um sabor que dispensa comentários!

Los Paleteros: Paletas de Romeu e Julieta, Morango com Leite Condensado, Manga com Pimenta e Doce de Leite
As Paletas de Romeu e Julieta, Morango com Leite Condensado, Manga com Pimenta e Doce de Leite da Los Paleteros
E assim, terminamos a degustação de 12 dos 26 sabores disponíveis. Mas, se a degustação terminou, começou aqui uma enorme admiração pela marca! Admiração não apenas pelo espetacular sabor e qualidade dos seus produtos, mas pelo "conjunto da obra": Atendimento, instalações e preços compatíveis com o mercado (variam de R$ 7,00 a R$ 9,00). A Los Paleteros conseguiu algo raro: nos impressionar em todos os quesitos, mesmo depois de praticamente 4 anos e meio de blog e centenas de estabelecimentos visitados. E isso, caro leitor, não tem preço!

Mais uma vez parabenizamos a marca e garantimos: a Los Paleteros ganhou, no mínimo, mais dois clientes fieis: Gustavo e Catarine!

Os Mastigadores estiveram na Los Paleteros e receberam seus produtos como cortesia para a elaboração deste post.

Los Paleteros
Av. Almirante Marques de Leão, 351 - Barra (ver mapa)
(71) 3011-7881

23 de abr de 2015

Restaurante Bargaço [gr]

| por Gustavo Romero |

O Restaurante Bargaço foi fundado em 1971 e, com o passar dos anos, se tornou um dos restaurantes mais conhecidos e tradicionais da cidade. Foi para conferir tais credenciais que estivemos no local, numa tarde de sábado.


Localização e estacionamento

O Bargaço está situado entre o Jd. Armação e a Boca do Rio, próximo ao Centro de Convenções. Não é difícil de chegar, embora seja um local um pouco escondido. O restaurante oferece um amplo estacionamento, o que facilita muito a vida dos clientes.

Ambiente e atendimento

Embora conte com uma área interna, logo que chegamos nos acomodamos em uma das mesas que fica na enorme varanda, ao lado de uma grande área verde. O local é muito bonito e bem cuidado. Em linhas gerais, trata-se de um local muito agradável.

O ambiente do Restaurante Bargaço
O varandão do Restaurante Bargaço
A área externa do Restaurante Bargaço
Para as crianças, o restaurante oferece um amplo parque infantil.

O Parque Infantil do Restaurante Bargaço
O atendimento é um dos pontos altos do Bargaço. Indo - felizmente - na contramão do que tradicionalmente encontramos nos estabelecimentos da cidade, o restaurante apresentou atendimento impecável. É bem verdade que, quando chegamos, existiam poucos clientes, mas, ainda assim, a atenção, simpatia e velocidade dos garçons impressionou. Um dos melhores atendimentos que já presenciamos na cidade. Parabéns à casa.

Comida

O ponto forte do Bargaço são os Pratos de Frutos do Mar. Assim, o cardápio é todo pautado por opções relacionadas a estes itens. Desde as Entradas (Casquinha de Siri, Ostras, Polvo a Vinagrete etc.) até as opções de Moquecas e Ensopados, passando pelos Pratos da Casa (Bobó de Camarão, Lagosta ao Thermidor etc.) e Do Chef (Camarão na Moranga, Espaguete de Frutos do Mar etc.), sem se esquecer das Saladas.

Depois de avaliar as opções, acabamos nos convencendo a pedir a Moqueca de Camarão com Polvo. Em pouco tempo, recebemos o tacho fumegante, junto dos acompanhamentos: Arroz, Pirão e Farofa

A Moqueca de Camarão com Polvo do Restaurante Bargaço
A Moqueca de Camarão com Polvo do Restaurante Bargaço
Os Acompanhamentos (Arroz, Pirão e Farofa) da Moqueca do Restaurante Bargaço
A Moqueca do Bargaço é um Prato bem servido, que pode atender até 3 pessoas com apetite moderado, mas nós não tivemos grandes dificuldades em terminá-la. Estava muito saborosa e leve, sem o gosto forte do Azeite de Dendê (talvez pela orientação turística do restaurante), mas isso, para nós, não foi um problema (até preferimos assim). O ponto fraco foi a textura do Polvo, que deixou um pouco a desejar. Alguns pedaços estavam macios, mas, outros, estavam mais duros, denunciando que faltou um pouco de cuidado na preparação. Até mesmo os Camarões, em boa quantidade, não encantaram neste quesito. 

Os acompanhamentos estavam satisfatórios, sem grandes destaques.

Preço

Uma análise dos preços ratifica a noção de que a orientação do restaurante é turística. Ou seja, os preços assustam um pouco. Nós sabíamos que a Moqueca era bem servida, então não justificaria pedir uma Entrada, mas, se o fizéssemos, gastaríamos, em média, uns R$ 40,00. A Moqueca de Camarão com Polvo custou R$ 126,00 e, como bebemos apenas um refrigerante (comportamento que não corresponde ao padrão dos clientes da casa), que custou R$ 5,90, desembolsamos R$ 145,09. Caro, muito caro para os nossos padrões e para o que mastigamos.

Conclusão

Na nossa experiência, o Bargaço encantou pelo ambiente e atendimento, assustou pelo preço e trouxe uma culinária apenas boa. Ou seja, não vamos dizer que foi um almoço ruim, mas não foi memorável. Para nós, trata-se de um restaurante para fazer uma visita, conhecer, e procurar explorar outras opções mais interessantes e/ou baratas na cidade.

Serviço

Restaurante Bargaço
R. Antônio da Silva Coelho, Qd. 43, Lt. 18/19 (ver mapa)
Jd. Armação
(71) 3231-1000

Tecnologia do Blogger.