2 de jul de 2012

Bistrô PortoSol [ch]

por Catarine Heiter
atualizado em 30/04/2013

Quem acompanha o blog, deve lembrar da nossa primeira aventura gastronômica explorando a culinária alemã, lá no Chopp do Miguel!

Como nós gostamos muito, um leitor deixou um comentário no post sugerindo uma visita a um estabelecimento que trabalha com a culinária austro-húngara de maneira geral: o Bistrô PortoSol. Recentemente, pudemos, finalmente, fazer a tão adiada aventura gastronômica por lá e não nos decepcionamos!

E como tudo o que é bom merece ser repetido, algum tempo depois nós fizemos uma nova visita ao local, para mastigar um prato que havia nos chamado a atenção quando vimos sua divulgação na Fan Page (Facebook) do local!

Bistrô PortoSol

Localizado na região da Barra, é fácil de chegar, mas não de estacionar. Se der sorte, você pode encontrar vaga na mesma rua onde ele fica localizado. A rua é estreita e até um pouco mal-encarada, especialmente à noite.

Bistrô PortoSol: Fachada
A fachada do Bistrô PortoSol
O bistrô em si é bem simples. Algumas cadeiras na calçada resumem o ambiente externo. Apesar de não ser climatizado, preferimos ficar no ambiente interno e desfrutar do seu charme peculiar. A decoração e a trilha sonora têm como referência a música e o cinema. Vários (muitos mesmo!) pôsteres ficam espalhados pelo ambiente que é bem pequeno e não comporta grupos grandes.

Bistrô PortoSol: Ambiente interno
O ambiente interno do Bistrô PortoSol
Bistrô PortoSol: Ambiente interno
O ambiente interno do Bistrô PortoSol
O atendimento é feito por uma atendente e pelo proprietário (Reinhard Lackinger, que se auto-intitula o "taverneiro"), que também comanda a pequena cozinha, junto de sua esposa. Reinhard nos pareceu bem simpático, intervindo apenas quando necessário. Já a atendente era bem "enfezada" e "voava" na mesa caso colocássemos algum copo ou travessa em cima da toalha. Isso foi bem estranho!

Na segunda visita que fizemos, não notamos o comportamento estranho da atendente, mas a cara "enfezada" continuava a mesma! :)

Na hora de fazer o pedido, nadamos em dúvidas. Algumas opções são bem parecidas entre si e eu não queria mais repetir o Chucrute "de sempre", já que teria a oportunidade de experimentar coisas diferentes. No final, nos decidimos pelo prato 1955 (Salsicha Polônia, Linguição cozido, Batatas aceboladas tipo Rosti Austríaco e Creme de Legumes). O prato é indicado para duas pessoas e custa R$ 59,00. Curiosamente, não está listado no cardápio online.

Bistrô PortoSol: Prato 1955 (Salsicha, Linguição cozido, Batatas tipo Rosti e Creme de Legumes) e Mostarda forte
O prato 1955 (Salsicha, Linguição cozido, Batatas tipo Rosti e Creme de Legumes) do Bistrô PortoSol
A Mostarda Forte foi aceita como sugestão para acompanhar o prato e custa R$ 4,00. Gustavo aprovou, até mais do que eu, esta combinação!

O sabor do prato é indescritível (Gustavo não parava de elogiar!). Seria algo do tipo "comida caseira internacional". Percebe-se o sabor artesanal de cada item e o Creme de Legumes figurou, para nós, como a estrela da noite. Em relação à quantidade, quanto mais mastigávamos, mais encontrávamos comida na travessa! Concluímos que, por ser uma comida mais "pesada", a porção servida seria suficiente para uma terceira pessoa entrar nesta aventura gastronômica facilmente.

O outro prato que nos chamou a atenção, e que pedimos na segunda visita ao local, foi o Raubritterteller, uma receita medieval composta por Cogumelos, Bacon e Batatas, com Molho de Iogurte e Salsa Fresca. Nós gostamos muito! O sabor é refrescante e consideramos meio "cítrico" (na falta de uma definição melhor)! A porção, à primeira vista, engana, mas garantimos que é possível sair bem satisfeito pedindo somente este prato. Ela serve duas pessoas e custa R$ 39,00.

Bistrô PortoSol: Prato Raubritterteller (receita medieval, composta de Cogumelos, Bacon e Batatas, com Molho de Iogurte e Salsa Fresca)
O prato Raubritterteller (receita medieval composta de Cogumelos, Bacon e Batata) do Bistrô PortoSol
Desta vez, aproveitamos também para mastigar uma Sobremesa. A escolhida foi a Powidltatschkerln, um Doce típico da Tchecoslováquia, preparado na hora e servido quente, com Farofa Doce. São 2 ou 3 "bolsetinhas" (nós pedimos 2) recheadas de Geléia de Ameixa típica daquele país. Têm o aspecto de Pastéis antes de serem fritos e a Farofa Doce oferece uma textura que complementa a experiência sensorial. São muito saborosas, mas um pouco caras demais: custaram R$ 24,00 (R$ 27,00 se fossem 3 "bolsetinhas").

Bistrô PortoSol: A sobremesa Powidltatschkerln (Doce típico da Tchecoslováquia, recheado com Geléia de Ameixa e coberto por Farofa Doce)
A Sobremesa Powidltatschkerln do Bistrô PortoSol
Bistrô PortoSol: A sobremesa Powidltatschkerln (Doce típico da Tchecoslováquia, recheado com Geléia de Ameixa e coberto por Farofa Doce)
A Sobremesa Powidltatschkerln do Bistrô PortoSol
As duas visitas que fizemos ao Bistrô PortoSol nos proporcionaram experiências gastronômicas muito boas! Com a grande vantagem de termos mastigado pratos que, provavelmente, não encontraremos em mais nenhum restaurante da cidade. Vale à pena conhecer e deliciar-se com as receitas preparadas pelo taverneiro Reinhard e sua esposa!

Bistrô PortoSol
Rua César Zama, 4 - Barra (ver mapa)
(71) 3264-7339

17 comentários:

  1. Frequentei o bistro muitas vezes antes de mudar de Salvador, os pratos sao bons e como sugestao de sobremesa uma boa opcao e o "Cigano ebrio", que consiste de bolo de rolo embebido no rum.

    ResponderExcluir
  2. Vou conhecer e posto. Adoro comida alemã e esse cardápio austro-hungaro me pareceu tão apetitoso quanto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bbrasil, vamos ficar esperando seus comentários!

      Excluir
    2. Fui lá DOmingo e estava fechado... Mas volto lá... Moro longe mas volto!

      Excluir
    3. Fui lá DOmingo mas estava fechado! :(
      Mas voltarei lá... Moro longe mas voltarei...

      Excluir
    4. Bbrasil, conforme consta no site, o Bistrô PortoSol está "Aberto de terça-feira a sábado das 18:37 às 24:59 ... 'maomeno'". Mas volte mesmo! Acredito que não irá se decepcionar!

      Excluir
  3. Que bom que gostaram! Não tinha respondido antes pq tava viajando! Abraços.
    Felipe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe Almeida, gostamos muito! Foi uma ótima sugestão!

      Excluir
  4. Eu adoro a comida de lá, já fui lá algumas vezes e experimentei a picanha a la viena. Muito boa!! vale a pena experimentar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isis Correia, quem sabe não fazemos um Vale à pena mastigar de novo! [VAPMDN], não é? :)

      Excluir
  5. Ficamos contentes com a visibilidade que o Blog Mastigando em Salvador está nos dando!
    Quem tem uma proposta gastronômica diferente - apenas 3 ( três ) pessoas cuidam de tudo num espaço temático, com todas as comidas sendo preparadas na hora e de modo tradicional e artesanal - depende de uma divulgação diferenciada como é o caso do blog Mastigando em Salvador super bem bolado, com a descrição precisa e criteriosa dos locais e das comidas!

    Obrigado!

    Reinhard e Maria Alice Lackinger

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lackinger, agradecemos os elogios ao nosso trabalho! Desejamos sucesso e vida longa a você, à sua esposa e ao Bistrô PortoSol!

      Excluir
  6. Sou cliente do Bistrô faz tanto tempo que não me lembro e nunca tivemos problemas. Comida ótima e preço justo. O atendimento é excepcional apesar de peculiar, depois de tantas idas acabamos amigos da pequena equipe o que nos dá um prazer maior em frequentar essa alternativa ao de sempre em Salvador. Eu recomendo !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jose Dantas, de fato o Bistrô PortoSol foge totalmente do tradicional!

      Excluir
  7. Faltou pedir uma cerveja estupidamente gelada, que o proprietário serve com lupulo extra. As sobremesas, especialmente com uma misteriosa farofa, são muito boas também, assim como o Goulash.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marco, no nosso caso, não bebemos álcool, então a cerveja não é uma boa escolha. Mas, em relação à sobremesa... Só não pedimos por falta de espaço no estômago!

      Excluir

Os comentários no Mastigando em Salvador são muito bem vindos, mas deverão passar por um processo de moderação prévia. Para conhecer os critérios da moderação, consulte a nossa política de comentários, acessando: http://www.mastigandoemsalvador.com.br/p/politica-para-comentarios.html.

Resumidamente, os comentários que poderão ser rejeitados são aqueles que:

- Estejam fora do contexto do objeto da postagem e/ou do blog;
- Utilizem linguagem ofensiva e/ou incompreensível;
- Contenham injúrias, calúnias ou difamações, a respeito de quem quer que seja;
- Demonstrem claramente a intenção, por parte do autor do comentário, de tumultuar e/ou de desarmonizar o clima do blog;
- Contenham propaganda (spam); ou
- Contenham links externos, salvo quando forem fortemente relacionados ao objeto da postagem.

Os comentários publicados NÃO representem a opinião do blog Mastigando em Salvador e da sua equipe, e todo o seu conteúdo é de responsabilidade exclusiva dos seus respectivos autores. Nós não nos responsabilizamos por eles.

Caso tenha alguma dificuldade em fazer um comentário, verifique se está utilizando o navegador MS Internet Explorer. Alguns leitores tem reportado problemas para comentar utilizando este navegador. Esta situação está fora do nosso controle e não pode ser corrigida por nós.

Tecnologia do Blogger.