5 de fev de 2011

Taverna do Alto [gr]

por Gustavo Romero

Eu estava trabalhando na manhã desta sexta-feira, quando um colega me diz: "- Já viu o cardápio do dia? Dobradinha...". Sim, na empresa em que eu trabalho, existe um refeitório para os empregados, que serve refeições com um sabor bem acima da média quando comparadas a de outros refeitórios que conheci. Mas, convenhamos, dobradinha não é um prato que agrada a todos e, mesmo que sempre exista uma opção (geralmente frango ou carne grelhada), decidimos ir almoçar fora com um grupo de pessoas.

"- Mas o nome do nosso blog é Mastigando em Salvador, e você trabalha em Simões Filho!", protestou a Catarine, quando falei que eu ia escrever este post. Muita calma nessa hora! O município de Simões Filho pertence à Região Metropolitana de Salvador, portanto, reclamação improcedente! :-) E, mesmo que fosse procedente, acreditem, o Taverna do Alto Restaurante mereceria uma exceção!

Localização e estacionamento

O restaurante fica próximo ao Mercado Municipal da cidade. É bem fácil de chegar, mas, para os "desorientados" como eu, o mapa resolve o problema.

No local, não existe estacionamento, sendo preciso parar o carro na rua. Eu já estive lá algumas vezes, e nunca foi muito complicado estacionar. A rua é bem pouco movimentada e, felizmente, não há "fanelinhas" para "guardar" o seu carro.

Ambiente e atendimento

O restaurante tem uma decoração bastante rústica e charmosa, que me lembra uma casa de fazenda. Grandes janelas, muitos elementos em madeira e em tijolinhos aparentes e objetos como lampiões, vasos e esculturas em cerâmica, colheres de pau etc. 

Taverna do Alto (Foto retirada do site)
Taverna do Alto (Foto retirada do site)

Taverna do Alto: Salão interno (Foto retirada do site)
Taverna do Alto: Salão interno (Foto retirada do site)
 Além do ambiente interno, existe um varandão, que é um pouco mais claro (durante o dia) e arejado.

Taverna do Alto: Varanda (Foto retirada do site)
Taverna do Alto: Varanda (Foto retirada do site)
Taverna do Alto: Ambiente externo (Foto retirada do site)
Taverna do Alto: Ambiente externo (Foto retirada do site)
O proprietário do local é artista plástico, e o espaço é utilizado também para a exibição das pinturas em tela e vasos de cerâmica criados por ele. Muito legal!

O atendimento é bastante satisfatório, mas às vezes fica um pouco prejudicado quando a casa está muito cheia. Se estiver com pressa (como, por exemplo, nós estávamos, visto que nosso horário de almoço é um pouco curto), convém ligar para o restaurante e fazer a reserva e o pedido. Ou então, escolher um dos pratos do dia.

Comida

A cozinha do Taverna do Alto é especializada em comida brasileira. As opções incluem Feijoada, Tutu a mineira, Galinha de quintal, Baião de dois, Carne do sol, Carne de fumeiro... Eu pretendia fotografar os pratos que pedimos, mas não tive a oportunidade: segundos depois que fomos servidos, a comida foi "atacada" por todos! Mas, para matar a curiosidade, o site do restaurante traz as fotos das opções disponíveis e, de fato, elas são bem fiéis ao que efetivamente é servido.

O sabor dos pratos é fenomenal! A comida é servida bem quentinha, as carnes são macias e muito bem temperadas e os acompanhamentos (arroz, feijão, pirão, couve, purê etc, a depender do prato que foi pedido) mantém o mesmo padrão de qualidade.

Em relação à quantidade, é fácil assegurar que ninguém sairá de lá com fome, muito pelo contrario! Os pratos, que supostamente serviriam duas pessoas, facilmente saciam três. É preciso ter um pouco de habilidade para dosar o número de pratos pedidos versus a quantidade de pessoas na mesa, para evitar desperdícios.

Preço

Se alguém pretender ir sozinho ao restaurante, certamente irá gastar muito, pois, como dito anteriormente, as porções são adequadas para, no mínimo, 2 pessoas (famintas). O ideal é ir até lá com um grupo, e tentar usar a proporção "1 prato para 3 pessoas". Fazendo desta forma, mesmo pedindo várias garrafas de refrigerante (até quem bebe álcool - que não é o meu caso - optou pelo refrigerante, já que todos iam voltar para o trabalho), a conta fica em torno de R$ 20,00 para cada pessoa, que sai de lá meio empanturrada se não conseguir se controlar.

Conclusão

O Taverna do Alto Restaurante é um convite à gula. É difícil parar de comer, mesmo quando o estômago reclama, informando que o espaço disponível acabou. Se estiver pelas imediações, não deixe de conhecer!

6 comentários:

  1. ei, vcs conhecem o donna cheffa pizza bar, no rio vermelho? queria saber se a pizza presta, mas nao achei nenhuma resenha na net...
    ta com uma promoçao maravilhosa: 2 pizzas grandes de R$67,80 por R$27,12. aqui: http://www.groupon.com.br/.
    esses clubes de descontos sao uma maravilha haha! caso ainda nao tenham cadastro la, aceitam um convite meu? ganha-se credito por indicaçao tb hehe!
    abraços,
    angela.
    a.soldatelli@pop.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da dica desse lugar, nao entendi so uma coisa, lá se pedir um prato para duas pessoas cada uma paga 20 ou seja 40, ou paga so 20 pelas duas?

    ResponderExcluir
  3. Eu conheçooo!!! É na minha terrinha, mas confesso q não fui lá ainda. Conheço o filho do dono Hugo. Dizem que lá é muito bom mesmo!!

    ResponderExcluir
  4. @ngel@, eu já sou cadastrado no Groupon... A gente está estudando a possibilidade de pegar uma promoção deles de vez em quando, para ir a novos lugares e colocar no blog! Fique ligada!

    ResponderExcluir
  5. danii makeup, o que eu quis dizer é que, indo em grupo, a média de valor por pessoa é de aproximadamente R$ 20,00, ok?

    ResponderExcluir
  6. Ótimas dicas! Quando eu estiver em Simões Filho, já sei onde comer! Parabéns pelo blog, gente! Tá lindo!!!

    Beijinhos.

    ResponderExcluir

Os comentários no Mastigando em Salvador são muito bem vindos, mas deverão passar por um processo de moderação prévia. Para conhecer os critérios da moderação, consulte a nossa política de comentários, acessando: http://www.mastigandoemsalvador.com.br/p/politica-para-comentarios.html.

Resumidamente, os comentários que poderão ser rejeitados são aqueles que:

- Estejam fora do contexto do objeto da postagem e/ou do blog;
- Utilizem linguagem ofensiva e/ou incompreensível;
- Contenham injúrias, calúnias ou difamações, a respeito de quem quer que seja;
- Demonstrem claramente a intenção, por parte do autor do comentário, de tumultuar e/ou de desarmonizar o clima do blog;
- Contenham propaganda (spam); ou
- Contenham links externos, salvo quando forem fortemente relacionados ao objeto da postagem.

Os comentários publicados NÃO representem a opinião do blog Mastigando em Salvador e da sua equipe, e todo o seu conteúdo é de responsabilidade exclusiva dos seus respectivos autores. Nós não nos responsabilizamos por eles.

Caso tenha alguma dificuldade em fazer um comentário, verifique se está utilizando o navegador MS Internet Explorer. Alguns leitores tem reportado problemas para comentar utilizando este navegador. Esta situação está fora do nosso controle e não pode ser corrigida por nós.

Tecnologia do Blogger.